Portuguese youngsters, new media and sexuality – information, activism and pleasure-seeking experiences

Authors

Daniel Cardoso (FCSH - UNL / ECATI - ULHT)

Cristina Ponte (FCSH - UNL)

 

Abstract

This research, conducted in the context of a PhD thesis, tries to extend the notion of “sexualized usages of (new) media” beyond the tropes of pornography and sexting, by also taking in consideration the search for information on sexual and reproductive health, as well as online forms of activism and networking. Drawing from a snowball sample of about 180 Portuguese youngsters between the ages of 16 and 19 years old that responded to an online survey spread through Facebook and also through several NGOs, we analyze the similarities and differences between genders in how they interact with these technologies, as well as to how they view the importance of both sexuality and sexual usages of new media in their lives. Preliminary results of the quantitative part of this research point to how gender impacts youngsters’ lives by generating different modes of usage of new media, which means that similarities and differences coexist. Results regarding the usage of the internet and mobile phones to exchange sexual messages, and to access fora, sexual content and health/sexual information will be explored. These results will be presented alongside existing international research, and read in the context of Foucault’s work on the sexuality dispositif, and the current debate about sexualization (Smith & Attwood, 2011) and pornographication (Smith, 2010), arguing for a more nuanced view of the interactions between media and its users (McKee, 2005; 2007; 2009; 2010; 2012) and against simplistic models of media effects (McKee, 2009). These results hope to point out the need for a more integrated approach to what sexualized means, beyond the articulation of media panics over sexuality and youngsters.

Keywords: sexualization, pornography, new media, youngsters, sexting, Foucault

Audio


Masterclass "Os verdadeiros homens e as verdadeiras mulheres"

 No próximo dia 23 de abril, pelas 17h, integrada nas Talks.com (edição 2.0 |2014), decorrerá a sessão Representações e Linguagem em Igualdade de Género, na Universidade Lusófona do Porto (sala 0.5)

A sessão contará com a presença e dinamização do Mestre Daniel Cardoso (FCSH-UNL/ ECATI-ULHT). 

A entrada é livre.

O evento é organizado pelo Projeto PubliDiversidade - Representações Sociais e Igualdade de Género na Publicidade, em parceria com o Curso de Licenciatura em Ciências da Comunicação e da Cultura da Universidade Lusófona.

 

Mais informação abaixo.

Continuar...

‘Numa relação complicada com’ Fetichismo e BDSM – Representações mediáticas de alianças, separatismos e (jogos de) poder

Daniel Cardoso: CESNOVA – FCSH/UNL; CICANT – ULHT

Mafalda Mota: FPCE-UP

 

No âmbito de um estudo exploratório sobre as representações Kink/BDSM na imprensa escrita portuguesa, o presente trabalho procura compreender a produção mediática sobre BDSM em articulação com o fetichismo. A partir da análise de quatro reportagens escritas que abordam de forma central o fetichismo – e recorrendo a Análise Quantitativa de Discurso Assistida por Computador, a Análise de Discurso e a Análise de Imagem – esta apresentação pretende elucidar a forma instável como o fetichismo é enquadrado como estando à parte e simultaneamente dentro do BDSM, ao mesmo tempo que é utilizado como expressão visual mais auto-evidente desse mesmo BDSM. De modo a tentar criar uma forma de conceptualizar as relações tensionais e funcionais entre BDSM e fetichismo, exploramos a função paródica do jogo kinky face à noção foucauldiana de poder e questionamos as noções de objecto de desejo e de naturalidade do desejo tal como são frequentemente aplicadas (de forma psicanalítica) ao fetichismo, procurando encontrar sinergias por entre a diversidade de dissidências sexuais/eróticas.

 

Link para o evento no Facebook - aqui

Continuar...

#ON_Sex - Direitos Sexuais e Jovens Vulneráveis

Navegação

Publicações

Eventos

Descritivo

Encerramento


Novidades

O encerramento oficial do Projecto deu-se a 2 de Dezembro de 2015. Mais informações podem ser consultadas abaixo.


Publicações

 


Eventos

Lançamento do Projecto #ON_Sex 

Encerramento do Projecto #ON_Sex


Descritivo

O projeto “#ON_Sex - Direitos Sexuais e Jovens Vulneráveis” pretende reverter esta situação e utilizar a internet e as TIC de forma positiva, maximizando o impacto que estas ferramentas têm na vida dos jovens para criar instrumentos de educação sexual, destinados a capacitar educadores e ONG’s que trabalhem junto de comunidades socialmente vulneráveis. Os principais objetivos são promover a cidadania ativa e a defesa dos direitos, em especial os direitos sexuais, em ambiente digital, contribuindo para a capacitação e educação dos jovens, tornando-os assim menos vulneráveis a situações de violência ou de discriminação.

“#ON_Sex - Direitos Sexuais e Jovens Vulneráveis” é um projeto da APF, desenvolvido em parceria com a Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (FCSH-UNL), o Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) e o Programa Escolhas, e financiado pela Fundação Calouste Gulbenkian. 


 

Encerramento

O dia final do Projecto permitiu aos vários parceiros apresentar os resultados do seu trabalho, bem como falar sobre as componentes que ficam depois de o projecto terminar, como o manual de formação e o jogo ON_Sex.

Como keynote speaker internacional, o evento recebeu Marco Scarcelli, da Univ. de Padova (Itália). A sua intervenção foi gravada e pode ser ouvida nesta página.